Ads Top

Gearbest Amazfit GTR Smart Watch Only $139.99! promotion

XIAOMI MIX ALPHA: O NOVO CONCEITO PARA O FUTURO PRÓXIMO?

A chinesa Xiaomi anunciou nesta terça-feira o novo Mi Mix Alpha, o smartphone ultra potente e conceitual que vem acompanhado por polêmicas.

Em evento realizado nesta semana, quando todos aguardavam o possível upgrade do Mi Mix 3 para um modelo Mi Mix 4 acompanhado de novidades (assim como nos modelos anteriores), a empresa chinesa trouxe algo mais surreal e empolgante, o Mi Mix Alpha anunciado como um produto para público seleto com preço acima de 11 mil reais em pré-lançamento, tornando-o uma polêmica, visto que a empresa chinesa sempre optou pela relação custo-benefício.


O aparelho que conta com sensor de câmera principal de 108 Megapixel de abertura f/1.7 wide-angle, chipset octa-core Qualcomm Snapdragon 855 Plus, GPU Adreno 640, 12 GB de memória RAM, conexão 5G e tela com 180% de aproveitamento (visto que envolve o corpo do aparelho), tornou o evento mais interessante aos olhos do público que esperava algo mais simples, mas, também, mais barato, visto que o novo modelo sairá mais caro do que os concorrentes Galaxy Fold, da sul-coreana Samsung, e Mate X, da chinesa Huawei.

Suposta foto tirada com o Mi Mix Alpha

O Mi Mix Alpha conta também com bateria de 4050 células de nano cátodo de silicone com carregamento rápido de 40W com fio, tornando o aparelho mais rápido a recarregar da empresa.

Animação de recarga envolverá todo o corpo do aparelho, indicando o quanto há e quando for totalmente recarregado.

Outra polêmica é que o novo smartphone da empresa chinesa tenha surgido baseado num modelo apresentado em 2013 como conceito ao iPhone 6 e alterado para iPhone 11 neste ano (vide imagem abaixo).


O fato do aparelho seguir as tendências informadas neste conceito acima, fizeram com que o mesmo não acompanhasse botões físicos nas laterais do aparelho para aumentar e abaixar o volume, muito menos botões para assistentes virtuais, optando por exibir alguns ícones de notificações na lateral.




O Mi Mix Alpha conta com bordas ultrafinas de 2,15 mm nas partes superior e inferior, além de uma tira de cerâmica acompanhando os três sensores nas câmeras traseiras, cujo as lentes são protegidas por vidro de safira e também funcionarão como câmera frontal, visto que a tela do aparelho contorna o corpo, facilitando o uso das mesmas.


O aparelho não conta com altofalantes ou furos para sensores, o Mi Mix Alpha utiliza a melhoria de um recurso incorporado no Mi Mix 1, ou seja, sensor de proximidade ultrassônico, vibrando a tela para reprodução do áudio que é projetado graças a tecnologia de rejeição da palma da mão.



O fato é que por mais empolgante que nos seja este modelo, dificilmente chegará no mercado brasileiro, visto que a relação custo-benefício passa bem longe do mesmo e que o custo-Brasil o tornaria praticamente inviável, ao ponto de trocar um rim por esse smartphone.

Comente abaixo o que achou do aparelho? Compraria um? Ficou interessado?

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.