Ads Top

Gearbest Amazfit GTR Smart Watch Only $139.99! promotion

RISE OF THE TOMB RAIDER saiu pra LINUX e nós fizemos os BENCHMARKs

O RISE OF THE TOMB RAIDER finalmente chegou para Linux, graças aos portes realizados pela Feral Interactive. Desde a última semana (19/04/2018), muitos canais de Linux tem realizado testes de benchmark para avaliar o desempenho do game nos seus setups, conosco não foi diferente.


O game pra Linux já vem completo com os DLCs de 20 anos de aniversário da série Tomb Raider. Além disso, já vem trabalhado na nova API do mercado, a Vulkan, o que por um lado é bom e por outro nem tanto...

Configuração

Atualmente, contamos com a seguinte configuração para benchmarks e gameplays no canal do YouTube:

- INTEL CORE i7-2600 3.80 GHz
- GTX 750 TI 2 GB DDR5 da Gigabyte (driver 390.48)
- 16 GB RAM DDR3-1600 HyperX Fury
- 2 TB HD Seagate
- 120 GB SSD Western Digital Green
- XUBUNTU 18.04 Beta 2

Sendo assim, segue abaixo alguns testes que realizamos no dia de lançamento do game para o pinguim.

Benchmarks

Os presets utilizados foram os padrões do game, disponíveis nas configurações de gráficos, com a resolução 1080p 60 Hz e FXAA ativado.




Mesmo com o modo gamemod disponibilizado recentemente pela Feral Interactive, não houveram grandes melhorias.



Conclusões

Apesar de ter instalado nesta máquina somente a distribuição beta do Xubuntu 18.04, percebemos que muitas quedas de frames tem vindo mesmo do uso da placa de vídeo, de pequenas falhas e incompatibilidades do driver vulkan para a mesma.

Mesmo não utilizando muitos recursos da máquina como CPU e RAM nos testes, o próprio game já avisou ao abrir pela primeira vez que o processador i7 da segunda geração não teria recursos suficientes para um bom desempenho e que, principalmente, a GTX 750 Ti não teria poder de fogo necessário para o Rise Of The Tomb Raider.

Pra quem tem uma configuração com hardwares mais modestos, já pode pensar em futuros upgrades para os jogos baseados em Vulkan, principalmente no quesito GPU.

Quanto ao game, está muito bonito, apresentando ótimos gráficos, jogabilidade incrível e agora com a disponibilidade para as plataformas Linux e Mac OSX, provavelmente alcançará mais público para a saga da arqueóloga mais corajosa do mundo: Lara Croft.




O jeito é esperar na próxima Black Friday para ver se encontramos uma GTX 1050 Ti em bom preço ou alguma loja disposta para fazer parceria conosco e disponibilizar uma placa melhor para testes.

Confira também os benchmarks em vídeo:



Gostou? Compartilhe! Dúvidas, sugestões, correções, deixe nos comentários.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.